Relacionamentos, O Caminho da Felicidade

 

 

Curso:

RELACIONAMENTOS, O CAMINHO DA FELICIDADE

 

Integrado no Curso de Transformação Pessoal “ALQUIMIA DA FELICIDADE”©

 

Todos os direitos reservados

 

 

CRIADO POR VERA FARIA LEAL

 

NÚMERO LIMITADO DE VAGAS. Informações e inscrições:

harmoniaviva@gmail.com

 

O Curso pode ser frequentado online

 

As sessões decorrem todas as segundas entre as 19H00-21H15. Local: CENTRO NEW FREEDOM, R. do Centro Cultural, nr. 10-3º, Lisboa (Alvalade).

 

Tudo são Relacionamentos – nós connosco mesmos, com os outros homens e mulheres, com o mundo natural, com os espaços e locais, com a Vida. Eles estão no centro das nossas aprendizagens; eles são o motor da nossa evolução. Como é que se relaciona consigo? Como é que se relaciona com os demais?

 

Conhece bem as personagens fundamentais que o/a habitam? Tem consciência e expressa cada vez mais a deusa/divindade que há em si, ou o/a pedinte carente que persiste? Tem talento para transformar os príncipes na sua vida em sapos e as princesas em rãs? Ou o seu medo de se relacionar com o próprio mistério da felicidade empurra-o/a ciclicamente para relações encurraladas, ou para a ausência de amor, onde o medo de viver, de partilhar e de sentir, floresce?

 

Aprender a dança dos relacionamentos é a grande arte de viver! Neste trabalho profundo de três meses, vamos re-conhecer os nossos padrões de relacionamentos e aprender PODEROSAS ferramentas de transformação. Vamos aprender algo sobre a nossa sombra – aquilo que de nós desconhecemos ou em nós rejeitamos –e que projectamos nos outros, para o bem ou o mal e a nós regressa como um boomerang cósmico que nos acerta em cheio e desperta para a verdade do que o AMOR não é, para que possamos assim SER O AMOR desfrutando da liberdade e da maravilha da sua condição. Nascemos para manifestar todo o nosso potencial na plena expressão do nosso projecto de Vida, descobrindo nesse caminho, a verdadeira face da felicidade. Deixe que Ela se lhe revele!

 

Este é um trabalho vivencial, que integra várias técnicas, exercícios e saberes, com ênfase para:

 

  –   Os 10 padrões mais comuns de relacionamentos:

 

Um padrão é um comportamento repetitivo inconsciente. Limpar estes padrões (e outros) é imperativo para termos relacionamentos positivos e gratificantes.

 

I. Uma vez que o seu primeiro relacionamento foi estabelecido com os seus pais, poderá tender a recrear as personalidades deles o mais fielmente possível, no seu relacionamento amoroso.

 

2. Você tenderá a recriar o TIPO DE RELACIONAMENTO que teve com os seus pais, nas suas outras relações.

 

3. Você tenderá a copiar o relacionamento que os seus pais tinham um com o outro.

 

 

4. Uma vez que todos nos acostumámos a receber uma dose elevada de desaprovação parental, tenderemos a criar desarmonias e conflitos que façam com que o parceiro nos desaprove também.

 

5. Você tenderá a “vingar-se” ou a ajustar contas com os seus pais usando o seu parceiro ou outras pessoas noutros relacionamentos. Se o seu parceiro não permitir isto, você poderá usar os seus filhos para o mesmo objectivo, ou seja, projectar neles a “vingança” que quereria dirigir aos seus pais.

 

6. Muitas pessoas inconscientemente gostariam de permanecer crianças indefesas toda a sua vida. O conflito vai deflagrar quando ambos os parceiros  quiserem “ser crianças” e quiserem ambos que o outro seja o seu pai/mãe.

 

7. Uma vez que muitas pessoas estão habituadas aos conflitos, lutas e desentendimentos que tiveram com os seus pais, para elas ter um relacionamento bem sucedido, fácil e harmonioso é muitas vezes demasiado “não familiar” para o conseguirem tolerar, demasiado ameaçador e difícil de aceitar.

 

8. A raiva a si próprio e a culpa originam uma tendência à auto-punição utilizando um ou todos os aspectos seguintes : o seu corpo / a sua vida sexual / a sua carreira / o seu parceiro / as suas finanças/ o seu carro.Por outras palavras, há uma tendência a destruir/sabotar esses aspectos de si e dos seus relacionamentos para se punir por algo.

 

10. Você atrairá alguém que se encaixe nos seus padrões. Isto é, se você tem por exemplo o padrão de: “As mulheres abandonam-me” você tenderá a atrair uma mulher que tem o padrão de abandonar os parceiros.

 

Você será muito mais feliz se limpar e libertar os seus padrões. Então, em vez de atrair alguém que se enquadre nos seus padrões negativos, atrairá alguém que esteja em harmonia com seus pensamentos espirituais mais elevados.

 

–  Sentimentos e emoções: a Psicologia da Felicidade.

 

Alguns estímulos da felicidade:

 

– Descobrir os próprios valores de felicidade e não os impostos pelos outros;

 

– Fazer planos reais e atingíveis para o futuro;

 

– Comemorar cada conquista, por menor que seja;

 

– Ser optimista e ter pensamentos positivos;

 

– Não buscar a perfeição;

 

– Saber lidar com fracassos e frustrações;

 

– Não antecipar os problemas;

 

– Ter mais compromisso consigo mesmo;

 

– Observar cada passo e tentar corrigir os erros do percurso.

 

 

–  Os arquétipos psicológicos das Deusas e dos Deuses dentro de nós:

Demeter, Perséfone, Vénus, Atena, Diana, Hécate.

 

–  As fases do amor (sombra e projeção)

– O Divórcio, a rejeição, o abandono;  – A chantagem emocional e as dependências e o recomeço do amor.    

 

  – A natureza do Amor

 

O Amor incondicional não é um sentimento, mas uma vontade de permanecer aberto. Não é um amor da personalidade, mas um amor do ser, um amor que assenta no reconhecimento da bondade incondicional do coração humano.

 

– O Amor como Lei

         -O processo de converter-se em pessoa e os relacionamentos

         – Os 7 princípios para que uma relação funcione

 

– Resistências e medos da intimidade.

–  A sexualidade sagrada – noções de tantra.

–  A relação com o corpo, sensualidade e prazer de estar no próprio corpo, repressão/inibição da auto-expressão,

 – O Relacionamento sagrado.

 

– O relacionamento sagrado: O Amor só pode ser encontrado na rendição à Alma. Essa rendição em que assumimos a responsabilidade pela nossa vida, por nos amarmos incondicionalmente, pela nossa fidelidade á dinâmica do nosso destino individual, podemos finalmente conquistar a liberdade e harmonia interiores que são os ingredientes fundamentais do relacionamento sagrado. O relacionamento sagrado nasce da identificação de cada um, com a sua essência de Amor.

 

Vera Faria Leal

 

 

Este curso fornece aos alunos:

 

– Textos de apoio enviados semanalmente por email em formato PDF (incluindo Fichas de Trabalho).

 

– As Sessões semanais gravadas em formato MP3 (ficheiros enviados logo a seguir à sessão, que decorre em Lisboa entre as 19H00-21H30 todas as segundas feiras).

 

– Fórum interactivo no gmail para que o grupo presencial e o grupo online partilhem as suas experiências, trabalhos de casa, informação pertinente, propostas de crescimento no contexto deste Curso e dúvidas. È também por este meio que podem esclarecer dúvidas sobre os seus tpcs e comunicar com as Facilitadoras para o que julgarem necessário.

 

– Certificado de Participação